Árbitros secundários também recusam apitar Beira-Mar-Sporting

Está cada vez mais difícil encontrar quem arbitre jogo deste domingo. Até poderá ser espetador da ba

Está cada vez mais difícil encontrar quem arbitre o Beira-Mar-Sporting deste domingo. Depois de os árbitros da Liga se terem recusado a substituir o seu colega João Ferreira, agora são os da segunda categoria a terem a mesma atitude.

A Comissão de Arbitragem (CA) da Liga Portuguesa de Futebol pediu hoje à Federação Portuguesa de Futebol (FPF) que disponibilize um árbitro da segunda categoria para dirigir domingo, mas tal não vai acontecer.

Carlos Esteves, presidente do Conselho de Arbitragem da FPF, disse ao jornal A Bola que não vai nomear qualquer árbitro para o jogo. “Conversei com cinco dos meus colegas, pois não decido nada sozinho, e somos todos da opinião de que não devemos nomear ninguém”, disse o dirigente, que revelou ter recebido “meia dúzia de telefonemas de árbitros da segunda categoria que me disseram para não contar com eles para o jogo em causa”.

A 'batata quente' está agora nas mãos de Vítor Pereira, presidente da CA da Liga. Os regulamentos prevêem que, na ausência de um árbitro, os delegados das duas equipas encontrem na bancada alguém com qualificações para arbitrar o jogo.

Notícias: 1ª Liga