Boavista revoltado com arbitragem na Madeira

Axadrezados dizem que árbitro errou “sempre para o mesmo lado”.

O Boavista está revoltado com a arbitragem de Paulo Baptista no jogo de ontem com o Marítimo. Recorde-se que os axadrezados perderam por 4-0 e terminaram o desafio apenas com oito jogadores.

O clube do Porto utilizou a sua página de Facebook para considerar que foi prejudicado e que nos próximos dias a administração da SAD tomará uma posição.

O comunicado do Boavista:

“O Boavista foi prejudicado na deslocação à Madeira. Um jogo aparentemente fácil e sem casos foi transformado numa partida complicada, cheia de erros e equívocos, sempre para o mesmo lado.

O Marítimo fez o 1-0 ainda na primeira parte. O Boavista reagiu de imediato e caiu em cima dos da casa. A segunda parte começa com um Boavista mandão e mais fresco (adivinhava-se o empate). Zé Manel fez mesmo o 1-1. Mas, incrivelmente, o golo foi anulado por pretenso fora de jogo.

Logo de seguida, mais um caso – no melhor período do Boavista – Penálti (inexistente) e expulsão de Philipe Sampaio. O Boavista estava por cima do jogo, era a melhor fase que apenas foi interrompida, de forma abrupta, por erros de terceiros.

A partir daí, o jogo conta-se por mais 2 expulsões e outro penálti (precedido de fora de jogo).

De enaltecer os adeptos que se deslocaram à Madeira e que apoiaram a equipa, tendo testemunhado a enorme injustiça que foi este ‘jogo’. No final, revoltados contra a arbitragem, aplaudiram o esforço dos atletas.

Ainda durante esta semana, a Administração da Boavista SAD tomará uma posição face a esta arbitragem”.

Notícias: 1ª Liga