Dois penáltis e duas expulsões no Nacional-Rio Ave

Encontro agitado na Madeira. Moreirense e Olhanense também empataram.

Nacional e Rio Ave empataram a uma bola, em jogo agitado realizado neste domingo, que contou com duas grandes penalidades e dois cartões vermelhos.

Aos 19 minutos, falta de Rodríguez sobre Keita dentro da área e Claudemir inaugurou o marcador para os madeirenses. A turma visitante empatou aos 69', por Hassan e também numa grande penalidade, após mão na bola de Claudemir. Entretanto o Nacional jogou os últimos minutos com nove elementos, devido às expulsões de Manuel da Costa e Jota, durante a segunda parte.

O Rio Ave está para já isolado no quinto lugar, com 30 pontos; o Nacional perdeu a oportunidade de igualar precisamente o Rio Ave - ocupa a oitava posição, soma 27 pontos.

Grande penalidade houve também para o Moreirense, contra o Olhanense; Nuno Reis tocou na bola com a mão e Ricardo Pessoa marcou à passagem da meia hora. Já nos descontos da segunda parte, Lucas Sousa igualou para os algarvios, em Moreira de Cónegos.

Com esta igualdade (1-1), o Moreirense mantém o penúltimo lugar e o Olhanense o antepenúltimo, com mais um ponto que os algarvios.

Notícias: 1ª Liga