Hermínio Loureiro: Apito Dourado «está no topo das prioridades»


Hermínio Loureiro: Apito Dourado «está no topo das prioridades»
Hermínio Loureiro manifestou a intenção de ver todos os factos do processo Apito Dourado analisados e decididos até ao final da presente época. Na reunião de balanço do seu primeiro ano de mandato, que contou com a presença da maioria dos presidentes de clubes, a começar por Pinto da Costa e Luís Filipe Vieira, o dirigente marcou a sua posição, garantindo que o referido processo «não está na gaveta, está no topo das prioridades». Durante a cerimónia, o presidente da Liga apresentou um ambicioso plano de trabalhos, incluindo uma nova prova, várias iniciativas em prol dos adeptos e a aposta nas novas tecnologias que garantam a «defesa da verdade desportiva».


Hermínio Loureiro revelou-se a favor da introdução do "chip" na bola, o controlo electrónico das linhas de baliza, assim como «outras inovações» ainda não especificadas.

O presidente da LPFP falou também dos árbitros e admitiu que o projecto de profissionalização e a maior dedicação de tempo à actividade, embora não vá fazer dos juízes «seres infalíveis», poderá garantir-lhes «mais capacidade e responsabilidade».

Relativamente à necessidade de regulação das apostas desportivas, Hermínio Loureiro foi peremptório ao afirmar que «a hora de tomar decisões aproxima-se» e acrescenta que, nessa altura, a Liga assumirá «todas as responsabilidades, direitos e obrigações».

A modernização da emissão e aquisição de bilhetes de futebol, a instituição da figura do provedor do adepto do futebol, o enquadramento dos horários dos jogos e as transmissões televisivas foram outra medidas referidas por Hermínio Loureiro.

Imagem: Lusa

Notícias: 1ª Liga