Benfica no Jamor com 3 golos sofridos na Luz

Estoril aproveitou ritmo e concentração menores do Benfica e quase surpreendeu.

Benfica-Vitória de Guimarães. A final da Taça de Portugal em 2013 vai repetir-se em 2017. O Benfica trazia uma vantagem de 1-2, conseguida no Estoril, mas nesta quarta-feira esteve a perder duas vezes e empatou a três golos. Resultado suficiente para o campeão voltar ao Jamor.

Sem ponta de lança no onze inicial, e sem deslumbrar, na primeira parte houve mais Benfica no ataque. Mas à meia hora um grande golo de Bruno Gomes colocou o Estoril na frente do jogo. Dois minutos depois, asneira de Luís Ribeiro e empate, por Carrillo.

A segunda parte começou com novo golo do Estoril e igualdade na eliminatória. Foi Carlinhos a marcar. Mas mais uma vez o Benfica empatou pouco depois, por Živković. A partir daí, jogo aberto. Carrillo acertou no ferro, Júlio César impediu duas vezes, na mesma jogada, o 2-3. O Estoril era superior mas foi Jonas a marcar. Bruno Gomes ainda empatou (mais desleixo do Benfica) mas foi o emblema da Luz a conseguir a qualificação.

Notícias: Benfica