Benfica e NOS reúnem-se em janeiro para rever contrato televisivo

Benfica e NOS estabeleceram acordo que previa renegociar após rivais fecharem contratos.

Vieira de novo à mesa com a NOS e com outro patrocínio estrangeiro à vista.
O líder encarnado relembrou a existência de uma cláusula que permite renegociar o contrato com a operadora.

Numa entrevista concedida ao Jornal A Bola, Vieira lembrou que o clube salvaguardou o direito de renegociar o montante a receber mediante os acordos de Sporting e FC Porto. No entendimento do Presidente do Benfica e NOS, as águias seriam uma referência para os restantes clubes negociarem os seus contratos, e deste modo salvaguardou-se a possibilidade de haver uma renegociar após os rivais fecharem os seus acordos.

“É evidente que são três excelentes acordos, mas os contratos com o FC Porto e o Sporting só foram possíveis porque o Benfica voltou a liderar o processo e demonstrou que os valores que eram pagos em Portugal pelos direitos televisivos eram inacreditavelmente baixos”, explicou o líder 'encarnado', adiantando que, “em Janeiro estaremos de novo sentados à mesa com a Nos, algo que já está contemplado no nosso acordo”.

Á margem do acordo com a NOS. o Benfica estará próximo de oficializar um patrocinador para o estádio, algo que já tinha sido adiantado por Domingos Soares de Oliveira à BTV, a 10 de dezembro, falando em negociações que avançavam “um pouco mais”. Contudo não deverá ser a NOS mas sim um patrocinador estrangeiro. Os valores poderão ascender os 100 milhoes euros, distribuidos por 10 anos.

A ideia como foi avançada pelo administrador-executivo das 'águias' é conseguir um contrato para a cedência do naming do estádio, até porque o clube já teve quatro marcas nas bancadas. O Naming do estadio é algo que o Benfica tem procurado desde a sua construção.

O acordo poderá ser alcançado nos próximos dias do ano novo, sendo depois apresentado oficialmente pelo presidente do Benfica.

Notícias: Benfica