Benfica: primeira parte a zero, segunda a quarta velocidade

4-0 na receção ao Tondela e, novamente, quatro pontos de vantagem para o FC Porto.

Vencer parecia complicado ao intervalo, que surgiu com 0-0 no marcador, mas na segunda parte o Benfica arrancou para uma goleada sobre o Tondela por 4-0 e assim voltou a ter quatro pontos de vantagem em relação ao FC Porto. E agora são 10 para com o Sporting.

O líder do campeonato não esteve propriamente inspirado na primeira parte. Atacou mais, teve a bola durante mais tempo, mas foi complicado bater a defesa adversária. Jonas, Mitroglou e Pizzi ainda deixaram umas "amostras" de perigo mas o nulo no descanso mostrava o que se tinha visto até aí.

A segunda parte foi distinta. Claramente distinta. A velocidade apareceu, as ideias também, e nos primeiros minutos o Benfica já tinha criado três situações de golo. Aos 57 minutos Pizzi apontou o primeiro. E foi no último quarto de hora que o Benfica definiu a goleada - curiosamente numa fase em que tinha baixado a intensidade. Pizzi bisou, Rafa marcou o terceiro golo (que chapéu) e Jonas fechou as contas já nos descontos, numa grande penalidade.

Notícias: Benfica