Benfica suficiente bate Paços fraco

Estreia vitoriosa para o vencedor da Taça da Liga. Adversário ajudou.

O Benfica, vencedor da Taça da Liga, começou o torneio desta época de forma tranquila e com um triunfo a defesa do título. 1-0 em casa contra o Paços de Ferreira, num jogo onde pouco se viu da equipa nortenha. Cervi foi decisivo.

A partida começou com mais ataque da Luz. Uma sequência de jogadas ofensivas, de cantos, e grande defesa de Mário Felgueiras num bom remate de Celis. Depois foi Rafa, também sem sucesso. O Paços quase não atacava, não conseguia construir o seu jogo e sofreu mesmo o golo, perto do intervalo, quando Cervi marcou num ressalto.

Gonçalo Guedes e Raúl Jiménez foram os primeiros ameaçadores num início de segundo tempo prometedor. Mas, até ao final, o ritmo baixou e o interesse desceu ainda mais. Deu para o regresso de André Horta aos jogos, enquanto Ederson quase nem mexia as mãos - só aos 80 minutos o Paços rematou na direção da baliza do brasileiro. O Paços de Ferreira foi um adversário frágil; mostrou pouco, muito pouco.

Notícias: Benfica