Benfica volta a explicar Roberto e CMVM levanta suspensão

SAD da Luz esclarece que Saragoça pagou 86 mil euros pelos direitos desportivos do guarda-redes e 8,

A Comissão de Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) levantou a suspensão das ações da SAD do Benfica depois de novo comunicado das águias. A sociedade da Luz descrimina os valores dos direitos desportivos e dos direitos económicos pagos pelo Saragoça no âmbito do negócio.

De acordo com a SAD encarnada, a Real Zaragoza SAD adquiriu de "forma definitiva os direitos desportivos" do jogador por 86 mil euros, enquanto que a outra sociedade descrita pelos responsáveis da Luz como estando "a um nível mais elevado da cadeia de domínio da Real Zaragoza SAD” pagou 8,514 milhões de euros pelos "direitos económicos" do guardião espanhol.

Esclarecimentos que bastam à CMVM para levantar a suspensão da negociação das ações da SAD encarnada na Bolsa.

 

Notícias: Benfica