A guerra entre Bruno de Carvalho e Mr. Burns

Assim anda o futebol português...

A noite de ontem, logo a seguir ao Sporting-CSKA, foi marcada por uma nova polémica entre os leões e o Benfica. Ou será entre Bruno de Carvalho e uma personagem dos Simpsons?

Pouco depois do jogo da primeira mão dos play-off da Liga dos Campeões, o presidente do Sporting publicou um desabafo na sua página de Facebook. Nesta, é visado Mr. Burns, uma personagem dos desenhos animados The Simpsons – mas que é identificável como sendo João Gabriel, assessor de imprensa do Benfica.

“Num dia tão importante para o futebol nacional, com uma equipa portuguesa a disputar a entrada na fase de grupos da Liga dos Campeões, alguns jornais, ao invés de dar o devido ênfase a este importante acontecimento, preferiram tentar ofusca-lo dando ´voz` e destaque a um acto miserável e desnorteado de um clube onde os próprios sócios estão ´demissionários`. Tudo vale na guerra do faz de conta. Aí são verdadeiros campeões. Eles manipulam datas de fundação, números de sócios, números de adeptos, números de campeonatos, capas de jornais, textos, opinadores e comentadores. Tudo serve para tentar encobrir a convulsão interna que vivem. Mas dentro de campo é que a coisa se vê e, neste capítulo, o campeão da ´verborreia diária` sucumbiu. A Supertaça foi perdida, e bem perdida, para o Sporting Clube de Portugal. Fomos superiores em tudo e o primeiro título da época veio para Alvalade”, começou por escrever Bruno de Carvalho na mensagem.

“Muitas vezes ao estilo Simpsons, algumas atitudes demonstradas fazem lembrar Mr. Burns, o ‘velhinho mauzão’ que no final do dia ninguém teme nem respeita. Caro Mr. Burns, se é guerra que quer é guerra que terá. Vá chamando o seu exército de falsas ‘virgens ofendidas’ e ‘dinossauros esquecidos’. Esses que, diariamente, criticam tudo o que não seja da sua cor mas que depois quando a coisa fica ‘preta’ se acobardam e não falam de nada”, continuou.

“Que definitivamente todas as pessoas percebam que ninguém desestabiliza o Sporting Clube de Portugal, que ninguém desestabiliza os profissionais que trabalham no Sporting Clube de Portugal e que ninguém tira o Sporting Clube de Portugal do rumo a que se propôs!”, concluiu Bruno de Carvalho.

Pouco depois, João Gabriel reagiu, também através das redes sociais. “Há deslumbrados que merecem uma boa luta e há cretinos que são só isso... cretinos”, respondeu o diretor encarnado no Twitter.

E Bruno de Carvalho retorquiu, já de madrugada: “Caro Mr. Burns, então levou tantos anos para perceber que um cretino afinal é... um cretino? Enfim... Como se costuma dizer mais vale tarde que nunca... Assim acredito ter sido a pensar em si que surgiu aquela anedota do ‘tantos anos a estudar para colher tamanho fruto, ai que bruto, ai que bruto’? Não esteja preocupado em fazer um grande esforço de memória, para se lembrar da anedota, pois todos sabemos que memória não é o seu forte. Não se preocupe pois eu envio-lha amanha por SMS, já que é uma forma de comunicação que parece dominar. Bem sei que com a rapidez com que assimila as coisas vai demorar uns anos a rir, mas quando o conseguir garanto-lhe que terá uma maravilhosa gargalhada”.

E assim anda o futebol português.

Notícias: Benfica