Mitroglou não esteve no Boavista-Benfica "porque não quis"

Nova perspetiva de Augusto Inácio, diretor do Sporting: "Não tenho dúvidas".

Augusto Inácio voltou a falar sobre o Benfica, na SIC Notícias. Depois de ter dito que Júlio César não tem jogado por causa do processo de renovação do seu contrato, disse na noite passada que Kostas Mitroglou não jogou no Bessa porque não quis.

O diretor do Sporting recordou o cartão amarelo visto pelo grego contra o Tondela (4-1), quando o jogador festejou o golo que marcou: "O Benfica não contou com o Mitroglou porque o Mitroglou não quis. Não me lembro de o ver comemorar assim, a tirar a camisola... Com o jogo em 3-0, tira a camisola para levar amarelo. Penso que não foi inocente o que ele fez".

Inácio acrescentou que o avançado do Benfica preferiu ficar fora do duelo com o Boavista para se concentrar na seleção grega, que nos próximos dias vai disputar jogos particulares com Islândia e Montenegro.

"Foi para ter mais tempo para os jogos da seleção. Já viram o Mitroglou comemorar um golo assim? Onde está a estrutura do Benfica quando o Mitroglou vem dizer publicamente que não sabia que tinha quatro amarelos? A estrutura não tem de dizer que ele os tem e que não pode levar um amarelo daquela forma?", questionou.

Augusto Inácio aproveitou o contexto da "estrutura" da Luz para recordar a saída de Diogo Jota do Paços de Ferreira para o Atlético de Madrid: "A estrutura já cometeu dois erros: o Mitroglou e o Diogo Jota. Já tinha acordo com o Paços e não o conseguiu com o jogador. Quanto ao Mitroglou, levou amarelo porque quis levar cartão amarelo. Não tenho dúvidas".

Rui Gomes da Silva - Quem também foi visado pelo dirigente leonino, no mesmo programa, foi o vice encarnado, Rui Gomes da Silva. Em resposta a este na sua intervenção da passada segunda-feira, Inácio afirmou que Rui Gomes da Silva ocuparia o "Ministério da cobardia" caso este existisse: "Vejo-o sempre a afirmar que sou um cobarde, mas a verdade é que neste tempo todo só o vejo dizer 'alguém me disse isso', 'ouvi de alguém aquilo'... há cobarde maior que ele, que nunca cita nomes? Se houvesse um Ministério da Cobardia em Portugal, deveria ser ocupado por Rui Gomes da Silva".

Notícias: Benfica