Nélson: "Artur é excelente aposta para o Benfica"

Exclusivo: Antigo guarda-redes do Sporting elogia a "sobriedade e tranquilidade" do jogador do Sport

Nélson, antigo guarda-redes do Sporting - está de resto a poucos dias de iniciar funções na nova estrutura do clube - acha que o rival Benfica ficará muito bem servido na baliza com Artur Moraes. Em declarações ao Relvado, considera o (ainda) jogador do Sporting de Braga um dos melhores guardiões do campeonato.

"É uma excelente aposta. É um guarda-redes muito sóbrio e que transparece grande tranquilidade. Acho que essas são as duas maiores qualidades, um guarda-redes não precisa de ser espetacular para ser bom", considera.

Nélson acrescenta que o futebolista de 30 anos "é muito bom tecnicamente e joga bem com os pés e fora da baliza". E lembra ainda "tratar-se de um guarda-redes alto [1,92 metros]".

Com todas estas qualidades, como explicar então que Artur Moraes só tenha agarrado a titularidade a partir de 4 de Dezembro? "O Sporting de Braga fez uma aposta muito forte no Filipe, guarda-redes com grande estatuto e que era titular no Brasil. Foi por isso uma aposta um pouco forçada... Mas o Artur Moraes soube esperar pela sua oportunidade e agarrou-a. Como em tudo na vida é preciso ter sorte", defende.

Nélson lembra que quando Artur Moraes surgiu na equipa o Sporting de Braga "atravessava uma fase muito difícil e depois começou a melhorar de produção com a sua ajuda".

No Benfica a pressão é maior

O Sporting de Braga já é considerado um clube grande por muitas pessoas. Mas Nélson avisa que a pressão não é comparável com a que é exercida no Benfica. Que o diga Roberto... "A exigência vai aumentar para ele, sem dúvida nenhuma. Vamos ver como é que ele vai conviver com ela, mas eu acho que tem todas as condições para se impor porque está no lote de melhores a jogar em Portugal na suab posição", frisa.

Nélson deu também a sua opinião sobre Roberto, apontado por muitos como um dos principais culpados para a época de insucesso das águias. "Ele foi vítima da pressão por ter custado tanto dinheiro [8,5 milhões de euros]. Não teve uma época perfeita e não conseguiu resistir a tudo o que se disse a seu respeito", defende.

Má experiência na Roma

Para além do Sporting de Braga, Artur Moraes já teve uma experiência noutro grande clube europeu. E não foi nada feliz. Representou a Roma em 2008/09 e 2009/10 e só somou 12 jogos. Na primeira época ainda alinhou em 11 partidas, na segunda só foi titular na primeira jornada. A Roma perdeu 3-2 com o Génova e Artur Moraes nunca mais mereceu a confiança de Claudio Ranieri.

No Sporting de Braga parecia condenado a mais uma época de fracasso, mas os erros de Felipe abriram-lhe as portas da titularidade. Curiosamente, tal como na Roma, perdeu o primeiro jogo sofrendo três golos (1-3 em Leiria). Mas Domingos Paciência não lhe tirou o tapete e continuou a apostar nele. 

Artur Moraes sofreu 29 golos em 30 jogos ao serviço do Sporting de Braga. Curiosamente, é na Liga Europa, diante de equipas teoricamente mais complicadas, que apresenta melhor média de golos sofridos (quatro em oito partidas, meio golo por desafio).

Acompanhe os artigos do Relvado no Facebook e no Twitter.

 

 

A ÉPOCA DE ARTUR MORAES

Notícias: Benfica