Árvores do Gerês param casa de Cristiano Ronaldo

Está em risco o projeto da casa de sonho que o craque do Real Madrid quer construir no Gerês.

As obras para a construção da casa que Cristiano Ronaldo pretende ter no Gerês estão paradas. É o arquitecto Eduardo Souto Moura, que desenhou a vivenda de 1200 metros quadrados, quem o confirma em declarações ao jornal espanhol El País.

"O projecto da casa foi aprovado, mas era num terreno onde havia muitas árvores protegidas", revela o arquitecto que também desenhou o Estádio do Braga. A obra está suspensa porque "cortar as árvores não seria legalmente possível", adianta Souto Moura.

"Ele ficou furioso porque venderam-lhe o terreno sem o advertir de que as árvores estavam protegidas", revela o arquitecto no mesmo jornal, contando também que sugeriu ao internacional português mudar de terreno e que se comprometeu a fazer outro projecto "e incomodou-se".

Entre os planos de Cristiano Ronaldo estariam "um lago" e "uma ilha", ideias que à partida foram descartadas dada a sua impossibilidade. "Estas pessoas importantes têm uma corte que os protege e os cuida, mas dizem-lhes coisas que não são verdade", frisa Souto Moura.

O jogador já teria investido cerca de 4 milhões de euros no projecto e ainda não terá desistido do sonho de ter uma casa na fantástica zona natural do Gerês.

Notícias: Diversos