Estrelas vencedoras ou nova era de galácticos?

O Real Madrid é um clube que atrai multidões sempre que joga, tanto pelo seu prestígio enquanto clube, como pela sua constelação de estrelas. Ora aí está o problema! O Real Madrid sempre foi um clube com um grande orçamento, mas sempre equilibrou contratando jovens com qualidade que quisessem mostrar serviço, para o caso de alguma vedeta sair "furada". Mas hoje em dia o plantel é extenso em jogadores de renome (Casillas, Salgado, Cannavaro, Woodgate, Roberto Carlos, Beckham, Emerson, Diarra, Raúl, Robinho, Ruud van Nistelrooy, Ronaldo, Helguera, Raul Bravo, Gravesen, Guti, Júlio Baptista, Cassano, Sérgio Ramos e Cicinho!), sem haver o mínimo sinal de alguma venda. Emerson fez um péssimo Mundial e Van Nistelrooy já não é o matador de antigamente, certamente não serão as melhores escolhas para o Real.Fábio Capello disse que queria equilibrar a equipa de maneira a não ter demasiadas estrelas e antes muitos jogadores jovens desejosos de mostrar as suas capacidades, mas o que é certo é que as estrelas continuaram a amontoar e contratações de jovens craques nem vê-las! Será que não foi um erro de Capello deixar o plantel do Real Madrid como está?
Ricardo Qaresma

Notícias: Diversos