Dinheiro angolano coloca Jesus no Sporting

Jornal Expresso revelou contornos do negócio.

Jorge Jesus vai ganhar um ordenado fixo no Sporting inferior ao que recebia no Benfica. Mas pode acabar por sair a lucrar, segundo avança o jornal Expresso no seu site.

O semanário confirma a notícia de A Bola de há alguns dias e do Diário de Notícias, já desta quarta-feira, e acrescenta pormenores. Por exemplo, o ordenado do treinador, que irá ganhar em Alvalade 3,2 milhões de euros por ano, mais prémios e um montante variável. Tudo somado, segundo a RTP, poderá chegar aos 6 milhões. Certo é que o ordenado fixo é inferior ao que recebia no Benfica, que era de quatro milhões de euros.

E onde vai o Sporting arranjar o dinheiro? Bom, o Expresso garante que é o empresário angolano Álvaro Sobrinho, acionista de referência dos leões, quem assegura o financiamento da contratação. Nesta estarão envolvidos investidores de Angola e Guiné Equatorial.

Notícias: Mercado