Surpresa Mundial: Uruguai perde com Costa Rica

Campeão sul-americano chegou ao intervalo a ganhar mas foi surpreendido na sua estreia.

Quando o sorteio do Mundial 2014 juntou no mesmo grupo Itália, Uruguai e Inglaterra, três campeões mundiais, verificou-se logo que a Costa Rica iria ser a "seleção pobre" deste Grupo D. Pois, mas após o primeiro jogo é a Costa Rica que lidera: triunfo sobre o Uruguai por 3-1, neste sábado.

No Estádio Castelão, em Fortaleza, não foi surpreendente ver o Uruguai ser mais ofensivo na fase inicial. A defesa da Costa Rica não é propriamente a mais segura do mundo e houve espaço para Cavani e Forlán fazerem melhor. O golo surgiu mesmo, aos 23 minutos, através de uma grande penalidade (falta sobre Lugano) convertida por Cavani. A Costa Rica demonstrou atitude e foi tentando reagir até ao intervalo, por Campbell, Gonzales e Bolaños, embora a última grande oportunidade tivesse pertencido a Forlán.

Os homens da América Central já tinham avisado antes do descanso e chegaram mesmo à igualdade num golo de Campbell, aos 53 minutos. E o empate não era suficiente: três minutos depois Duarte fez o 2-1, de cabeça, em posição duvidosa no momento do livre. Talvez os jogadores do Uruguai tivessem pensado que, com 1-0 no marcador, o jogo estava ganho. Não estava. E em desvantagem esperar-se-ia uma reação do campeão sul-americano. Mas tal não aconteceu; ou aconteceu de forma muito "leve", por volta dos 75', numa fase um pouco mais ofensiva uruguaia. A surpresa já reinava em Fortaleza, à medida que o tempo ia passando, e aos 83 minutos Ureña confirmou a vitória surpreendente da sua seleção, poucos instantes depois de ter entrado. Para agravar o cenário de desilusão dos azuis, Maxi Pereira viu o cartão vermelho direto no período de compensação, por falta dura.

Também surpreendidos com este resultado estarão os jogadores de Inglaterra e Itália, que mais logo vão defrontar-se no outro duelo deste Grupo D.

Notícias: Mundial-2014