FC Porto: James é "bom demais para Portugal"

Palavras do compatriota Guarín, que gostaria de ter o extremo no Inter de Milão.

James Rodrígez tem muito talento e é "bom demais" para jogar em Portugal. As palavras são de Fredy Guarín.

O médio do FC Porto emprestado ao Inter de Milão elogiou o extremo, em entrevista ao jornal 'O Jogo': "Todos sabem o talento que James tem, um talento que é bom demais para Portugal".

Para o colombiano, James "tem demonstrado o que vale nos jogos, fazendo a diferença e marcando golos em momentos decisivos", sendo por isso peça importante na provável revalidação do título por parte dos portistas.

Guarín confessou que gostaria de ter o compatriota ao seu lado, no Inter de Milão: "É meu amigo e, obviamente, adorava tê-lo perto de mim aqui no Inter. Vai chegar o momento dele, no Inter ou noutro clube, o James vai estar muito contente e vai continuar a impressionar".

Para Guarín, James "merece uma grande oportunidade na sua vida" já que é uma pessoa com "muito valor", que "trabalha mais do que outros e que tem um talento único no futebol".

Fernando é "determinante"

O colombiano gostaria também que Fernando assinasse contrato com o Inter. E explicou porquê: "Gosto muito do Fernando, é um grande jogador. É um jogador daqueles que parecem pouco importantes, para quem observa de fora, mas que durante o jogo é determinante para a equipa".

"Ele trabalha muito para o grupo e nós sentimo-nos muito seguros quando jogamos com ele", acrescentou Fredy Guarín.

Notícias: Porto