FC Porto novamente travado na Madeira

Empate 1-1 na visita ao Maritimo

O FC Porto apresentou-se no Estádio dos Barreiros com um onze composto por Casillas, Maxi, Maicon, Marcano, Cissokho, Danilo, Herrera, Imbula, Varela, Aboubakar e Brahimi, já o Marítimo alinhou com Salin, Patrick Vieira, Deyvison, Raúl Silva e Ruben Ferreira; Fransérgio, Alex Soares e Ghazaryan; Edgar Costa, Marega e Xavier.

O jogo começou praticamente com o golo de Edgar Costa após contra-ataque maritimista, bom cruzamento de Xavier, porém Cissokho podia ter feito mais. Estavam decorridos 5 minutos. O Porto controlou as operações mas foi notória a falta de ideias para chegar à baliza de Salin sempre bem protegida pela boa organização da equipa insular. O golo portista haveria no entanto de chegar aos 34 minutos após jogada de insistência na grande área, Imbula assiste de cabeça Herrera e este fuzila Salin com o pé esquerdo.
O empate não mais foi desfeito apesar de algumas boas oportunidades de Aboubakar e de Maxi Pereira que, no último fôlego da partida, cabeceou à barra com os portistas ainda a reclamarem que a bola terá mesmo atravessado a linha de baliza, ao que parece na transmissão televisiva, sem razão.

O Porto perdeu os primeiros 2 pontos da época num local onde não tem sido feliz.

Notícias: Porto