Jesualdo quer ser campeão «o mais rápido possível»


Jesualdo quer ser campeão «o mais rápido possível»
O facto de faltarem poucos pontos para o FC Porto se sagrar campeão nacional, algo que pode até acontecer já este fim-de-semana, tem dominado parte da actualidade desportiva. Jesualdo Ferreira, no entanto, prefere retirar carga psicológica dessa possibilidade, afirmando que pretende festejar o tri-campeonato «quando tiver que acontecer». Em conferência de imprensa, o técnico aproveitou também para agradecer os elogios tecidos por Paulo Bento ao FC Porto.


O FC Porto joga este domingo com o Belenenses, uma equipa que, conforme Jesualdo Ferreira faz questão de salientar, «é organizada, tirou pontos aos "grandes" e empatou no Dragão».

Apesar de o título ser uma questão de tempo, o treinador relembra que há ainda «três jogos» em que a equipa se pode sagrar campeã e esclarece que «não é uma meta importante ser campeão no dia tal».

Relativamente ao estado de espírito da equipa, o técnico dos dragões advoga que «está bom (...) optimista, confiante e seguro das suas capacidades».


Em conferência de imprensa, Jesualdo Ferreira comentou e agradeceu também os elogios tecidos por Paulo Bento. Em entrevista à RTP, o técnico leonino referiu que o FC Porto se revelou um clube muito organizado e competente, daí estar no lugar que está. «É a opinião de um treinador de equipa grande de Portugal que entendeu o FC Porto», afirmou, revelando-se «satisfeito» por ver «um colega de trabalho» reconhecer a qualidade da sua equipa.

Neste contexto, o técnico aproveitou para mostrar o seu desagrado perante o facto de grande parte da opinião pública desvalorizar o valor e o mérito dos dragões. «Acho interessante que as pessoas agora estejam muito zangadas com a Liga e que digam que esta Liga não presta» refere, ironizando que «Liga interessante deve ter sido há quatro anos quando o Benfica foi campeão».

E conclui considerando que «às vezes parece que se quer fazer crer que ganhar no FC Porto não é meritório». E acrescenta: «O FC Porto está em primeiro porque foi melhor e perdeu poucos pontos».



Notícias: Porto