Mérito do Porto?

Há que reconhecer mérito ao Porto porque está a jogar bem e a ganhar, contudo não podemos esquecer,  como queria o rapazola Villas Boas, que algumas arbitragens tiveram algum mérito também nessa posição meritória que o Porto ocupa actualmente!

mérito de Paulo Batista na Figueira, houve mérito do “super-dragão” Jorge Sousa em Vila do Conde, houve ainda bastante mérito do “só se for o Bruno” Paixão na Choupana e indirectamente um indivíduo de Leiria que se notabilizou a imitar Quim Barreiros também deu uma “ajudinha”. Se estamos a falar de uma equipa devemos dividir o mérito por todos os intervenientes na posição que o Porto ocupa! Portanto o Porto tem uma boa equipa e com muito mérito na posição cimeira que ocupa na Liga, contudo tem que partilhar esse mérito com os quatro "figurões" que referi anteriormente.

O rapazola Villas Boas ainda "tem muitos frangos para virar", pois tem a memória curta e ao falar em precedentes e afins esqueceu-se dos "antecedentes dos precedentes", e passo a lembrar o “aconselhamento matrimonial” a um árbitro que apitaria no dia seguinte nas Antas, das viagens pagas a José Amorim conhecido no mundo do futebol como sendo o árbitro Carlos Calheiros e do famoso caso “quinhentinhos” em que o árbitro José Guímaro foi condenado, estes sim foram precedentes. Estes sim foram precedentes graves, tudo o que virmos depois disso são apenas mais episódios tristes do futebol português!

Notícias: Porto