Motorista de Pinto da Costa não desobedeceu a agente, diz a PSP


Motorista de Pinto da Costa não desobedeceu a agente, diz a PSP
A PSP do Porto explicou, terça-feira à tarde, que não terá havido desobediência por parte do motorista de Pinto da Costa que abalroou um repórter fotográfico à saída de mais uma sessão do julgamento que o opõe a Carolina Salgado.




«Não foi um sinal de paragem explícito do agente. O agente ia a acompanhar Carolina e o condutor resolveu sair de lá com pressa e tocou no fotógrafo», referiu à Agência Lusa fonte da PSP do Porto.

A mesma fonte salientou que a participação já foi feita pelo agente que presenciou a ocorrência e que de manhã contou ter dado ordem de paragem ao veículo, mas que para o prosseguimento do processo para tribunal terá de haver uma queixa por parte do lesado.

Lusa

Notícias: Porto