Setúbal-FC Porto: Mais uma festa azul a sul

Agora os azuis e brancos viajam até ao Sado e querem continuar sem derrotas. Mas o Vitória não dever

Antigamente, dizia-se que o FC Porto já começava a perder quando passava a ponte D. Luís em direção ao sul do país. Eram outros tempos... Mas nas últimas semanas, cada viagem ao sul tem-se transformado num autêntico festim para os dragões. Senão, vejamos: conquista do título assegurada na Luz; na jornada seguinte, consagração com os adeptos do clube do Algarve em Portimão; passagem à final da Taça de Portugal, de novo na Luz. E este domingo, mais uma oportunidade para os amantes da causa azul e branca do sul festejarem o título, desta vez em Setúbal.

O jogo será de festa para o dragão, mas com comedimento. Isto porque com André Villas-Boas, já se percebeu que as coisas são levadas muito a sério. E o jovem técnico de 33 anos tem referido vezes sem conta que o grande objetivo é terminar o campeonato sem derrotas, igualando o feito do Benfica de Jimmy Hagan, em 1972/73.

O FC Porto vem ao Sado sem Helton (será mais uma oportunidade para Beto) e sem os castigados Sapunaru e Moutinho. E são de admitir outras poupanças no onze.

 

Setúbal também quer festejar

O FC Porto vai encontrar um V. Setúbal que também está sedento de festejar. Em caso de vitória esta tarde e se a Naval não triunfar no terreno da União de Leiria, a equipa de Bruno Ribeiro assegurará a manutenção. Mas atenção: em caso de derrota dos sadinos e de vitória da equipa de Carlos Mozer, os navalistas ficarão a apenas dois pontos...

O Vitória de Setúbal conta com a habitual inspiração do seu guarda-redes Diego, indiscutivelmente um dos melhores jogadores deste campeonato e que tem sido o verdadeiro abono de família da equipa. William (lesionado) e Zé Pedro (castigado) são os únicos ausentes.

 

EQUIPAS PROVÁVEIS

Notícias: Porto