Portugal-Suécia: Queiroz confia que 2009 será o ano da Selecção


Portugal-Suécia: Queiroz confia que 2009 será o ano da Selecção
O seleccionador português de futebol, Carlos Queiroz, disse hoje que acredita que 2009 será o ano da «equipa das quinas», elogiando os «sinais evidentes do entusiasmo e da confiança» dos jogadores.




«Há uma atmosfera especial no rosto, nos sinais corporais de cada jogador. Estamos confiantes de que este vai ser o nosso ano e que, até final, vai ser uma caminhada especial. Vamos ganhar os jogos, marcar golos», referiu em Óbidos, onde a Selecção portuguesa está concentrada.

Carlos Queiroz considerou ainda que a equipa vai ter de jogar «à portuguesa» para complicar a tarefa da Suécia, sábado, no Estádio do Dragão, no Porto em encontro do Grupo 1 de apuramento para o Mundial2010. «Temos de fazer o nosso futebol. Temos de jogar à portuguesa, com um futebol atraente, moderno, com movimento, velocidade, fantasia, criatividade. Se pusermos essa maneira de estar dentro de campo, de certeza que ficam alguns argumentos difíceis de contrariar pela Suécia», afirmou.

O seleccionador luso elogiou ainda a Selecção da Suécia, que considera «uma equipa muito capaz, muito competente, com jogadores que trabalham imenso, que tem uma cultura de jogo muito enraizada». «Não vai ser um jogo fácil, frente a uma equipa difícil, mas vamos encontrar aí toda a motivação para fazer um grande jogo», considerou.

Embora não considere o encontro com a Suécia decisivo, Queiroz lembrou que Portugal não pode perder mais pontos em casa, após a derrota com a Dinamarca (2-3) e o "nulo" com a Albânia. «Estamos numa maratona e no fim fazemos as contas. Mas é um jogo em casa e não queremos perder mais pontos. Mas, no final é que vamos fazer as contas», afirmou.

Em relação à lesão muscular de Deco, Carlos Queiroz disse que acredita que «pelos relatórios médicos é possível recuperar» o luso-brasileiro.

Lusa