João Ferreira: "Não recusei apitar o Beira-Mar-Sporting"

Árbitro de Setúbal, alvo de processo disciplinar da Comissão Disciplinar da Liga, acha que não merec

O árbitro João Ferreira diz que não recusou apitar o Beira-Mar-Sporting da segunda jornada do campeonato e por isso acha que não deve ser castigado pela Comissão Disciplinar da Liga. "Não recusei apitar o jogo! Esse é um assunto que está a ser resolvido na Liga e por isso não vou dizer nada", defendeu, em declarações à Antena 1.

O juiz de Setúbal, que foi alvo de um processo disciplinar instaurado pela Liga de Clubes por causa da sua falta em Aveiro, aguarda com tranquilidade pelo desfecho do caso: "Vamos ver se houve recusa ou não..."

 

Eduardo Barroso contente

Eduardo Barroso, presidente da mesa da Assembleia Geral do Sporting, regozija-se com os processos disciplinares instaurados a João Ferreira e Paulo Baptista. O juiz de Portalegre, recorde-se, foi a segunda opção para o encontro com o Beira-Mar, mas também não foi visto em Aveiro.

"Prova-se que o Sporting tinha razão. O Domingos [treinador dos leões] disse com algum humor que em Famalicão marcaram o primeiro penálti a favor do Sporting. Devíamos estar frente na frente do campeonato! Enfim, os heróis estão a ter o tratamentos que merecem", defendeu, à Antena 1.

 

 

Notícias: Sporting