Agora é "Slimani resolve"

Jorge Paixão estreou-se, Sp. Braga esteve a vencer mas Sporting deu a volta.

O Sporting sofreu, parecia pouco capaz de contrariar o Sporting de Braga, que esteve a ganhar em Alvalade mas foi a equipa da casa a levar a melhor neste sábado, por 2-1. O jogo da 21.ª jornada da I Liga marcou a estreia de Jorge Paixão no comando técnico da turma minhota.

Os primeiros minutos foram sobretudo intensos, com ritmo elevado e agradável. O Sporting tinha a bola durante mais tempo e via Carrillo e Slimani a terem espaço para inaugurar o marcador, sem sucesso; mas aos minhotos também aparecia espaço para contra-ataques rápidos e perigosos, com Rafa e Rucescu como protagonistas. Seguiu-se uma fase mais calma, com superioridade lisboeta mas sem oportunidades de golo. A partir da meia hora o Sp. Braga começou a atacar mais e com mais perigo, e foi mais eficaz: chegou ao golo aos 36 minutos, num remate de Rafa que contou com três desvios - Cédric, poste e o último foi um toque involuntário de Rui Patrício, que com o pé introduziu a bola na sua baliza. A poucos instantes do intervalo apareceu a única situação real de golo para o Sporting durante a primeira parte, quando Slimani esteve perto de marcar mas desperdiçou, a dobrar.

No início do segundo tempo, cenário semelhante: bola nos pés dos jogadores do Sporting, enquanto o Sp. Braga parecia tranquilo na hora de defender e personalizado no momento de trocar a bola. Novamente faltavam oportunidades de golo até que uma grande penalidade começou a mudar o desfecho do jogo. O árbitro assinalou falta de Sasso sobre Mané e Jefferson empatou, estreando-se a marcar pelo Sporting. Estávamos a meio da segunda parte e poucos minutos passaram até que, numa jogada de insistência na área bracarense, apareceu aquele que já é um "salvador" habitual: Slimani, que fez o 2-1 com auxílio de um desvio adversário.

Logicamente a turma visitante foi à procura do golo, algo que tinha deixado de fazer, mas Rui Patrício apareceu em grande nível quando foi preciso, num remate forte de Luiz Carlos. O Sporting venceu, vai continuar no segundo lugar e para já ficou a dois pontos da liderança. O Sp. Braga, apesar do sinal positivo na estreia de Jorge Paixão, não vai conseguir melhor do que o sétimo posto no final desta ronda.

Equipas

Sporting:
Rui Patrício
Cédric, Maurício, Rojo, Jefferson
William, André Martins (Heldon), Gerson Magrão
Mané, Slimani, Carrillo (Capel)

Sp. Braga:
Eduardo
Dabó (Sasso), Nuno André Coelho, Santos, Baiano
Mauro, Rúben Micael (Luiz Carlos), Alan
Rafa, Rucescu, Pardo (Erik Moreno)

Golos: Jefferson (70'), Slimani (74'); Rui Patrício (36' p.b.)

Notícias: Sporting