Sporting de vento em popa volta a golear

Vitória de Setúbal foi presa fácil para as garras do leão, que já marcaram 19 golos em 7 jogos.

Um Sporting moralizado conseguiu este sábado em Alvalade mais uma goleada, por 4-0, e ascendeu provisoriamente ao comando da 1.ª Liga. A vítima desta vez foi o Vitória de Setúbal. Montero, melhor marcador do campeonato, somou mais dois golos ao seu pecúlio – e o Sporting já leva 19 golos em 7 jogos da prova.

A equipa de Leonardo Jardim, que ocupou a vaga do lesionado Jefferson com a estreia de Piris, entrou decidida a resolver cedo a questão. O ritmos imposto nos primeiros minutos foi alto, tentando os setubalenses defender a sua baliza como podiam. O mote foi dado por Carrillo, que rematou com perigo aos 5 minutos.

Pouco a pouco, no entanto, os leões foram perdendo fulgor e o primeiro golo, aos 40 minutos, apareceu quando não se esperava. Uma oferta de Rafael Martins, que atrasou a bola de forma mais que deficiente para o guarda-redes. O inevitável Montero agradeceu o brinde, contornou Servín e rematou para a baliza deserta.

A vencer, o Sporting entrou tranquilo para o segundo tempo. Como a equipa de José Mota não conseguia criar jogadas de ataque, adivinhava-se que os adeptos da casa iriam festejar mais golos.

E estes foram aparecendo com naturalidade. Primeiro por Carrillo, aos 58 minutos, assistido por Adrien; depois por Montero, aos 71’, a centro de Piris; e finalmente aos 78, de penálti. Cohene fez falta sobre Maurício e Adrien coroou uma excelente exibição com o 4-0.

Este leão, que na próxima jornada vai ao Dragão, está em forma. O jogo – e o campeonato - promete.

Equipas:
Sporting - Rui Patrício; Cédric, Maurício, Rojo e Piris; William Carvalho e Adrien (Gerson Magrão, 77’); Carrillo, André Martins (Vítor, 63’) e Wilson Eduardo (Carlos Mané, 83’); Montero.
Suplentes: Marcelo Boeck, Vítor, Slimani, Gerson Magrão, Dier, Rinaudo e Carlos Mané.

Vitória de Setúbal - Servin; Pedro Queirós, Vezo, Cohene e Nelson Pedroso; Dani, Paulo Tavares (Ney Santos, 77’) e Tiago Terroso (Diogo Rosado, 63’); Rafael Martins (Bruno Sabino, 55’), Cardozo e Ricardo Horta.
Suplentes: Kieszek, Frederico Venâncio, Miguel Pedro, Marcos Acosta, Diogo Rosado, Ney Santos e Bruno Sabino.

Notícias: Sporting