Cardozo: vender ou não?

Desde que chegou ao Benfica, tem marcado muitos golos, mas as melhorias ao seu contrato têm-se suced

Quando abre o mercado de transferências, fala-se sempre na hipotética saída do Cardozo. As opiniões dividem-se. É verdade que o Tacuara é sinónimo de golos, e os 9M€ pagos pelo Benfica deixam pouca margem de lucro, mas surgem sempre alguns nomes dispostos a pagar uma bela quantia para o contratar.

Desde que chegou ao Benfica, tem marcado muitos golos, mas as melhorias ao seu contrato têm-se sucedido e será neste momento um dos mais bem pagos do plantel. Precisamente, após cada fecho do mercado em que o Cardozo ficou no Benfica, o seu contrato é sempre negociado, e este ano é exemplo disso mesmo.

Têm surgido alguns nomes de clubes interessados no Tacuara, e o agente do jogador já disse publicamente que caso o jogador fique no Benfica, terão que melhorar o seu contrato. Será isto um forcing final para os dirigentes encarnados aceitarem uma proposta menos lucrativa pelo Cardozo?

Se o jogador ficar correm o risco de aumentar a folha salarial, ou então causar tal desmotivação no Tacuara que acabe por se refletir no seu desempenho dentro de campo. Deve ou não ser vendido?